A pedidos, vim contar o que mais gostei e o que odiei no livro Harry Potter e a Criança Amaldiçoada.

Este post não vai resumir a história, vou comentar o que acho de alguns pontos e também algumas coisas que achei que estavam divergentes de tudo aquilo que lemos nos outros sete livros. Lembrando que este não foi escrito pela JK Rowling.

AVISO: CONTÉM SPOILERS

img_0012

– Sobre ser um livro-roteiro: A história acontece muito rápido, eu li em 3 horas. A dica é ler tentando imaginar a peça. A gente estranha no começo, mas depois se acostuma. O lado bom é que não tem enrolação, todas as cenas têm ação. O lado ruim é não poder se aprofundar tanto nos personagens. Não é, nem de longe, a mesma experiência de ler os outros livros.

– Alvo Severo Potter na Sonserina: Foi uma das coisas que mais amei. É a minha casa em Hogwarts, sou suspeita…

– Escórpio Malfoy: De longe, dos novos personagens, este é o meu favorito. A personalidade dele é incrível, é engraçado, super leal e inteligente.

– Rosa Granger-Weasley: É basicamente a Hermione antes de ficar amiga do Harry e do Rony. A única diferença é ela ser muito boa em Quadribol. Quase todo mundo achou ela chata, mas eu achei ela o máximo, me julguem! Queria muito saber no que vai dar Escórpio e Rose 💓. Alias, podiam formar um trio, né?

harry-potter-and-the-cursed-child(Olha aí o trio)

 – Hermione Ministra: Amei, sempre imaginei isso. Love Hermione 💓 .

-Rony: Odiei o que fizeram com ele. Ok, ele sempre foi mais engraçado, mas achei que ficou ridículo. Piadinhas sem graça, chato mesmo.

– Harry Pai: Não, não, não! Eu sempre imaginei Harry um ótimo pai, ainda mais por ele ser órfão, sei que ele iria se esforçar para ser o melhor do mundo! Ele nunca falaria para o Alvo que não gostaria que ele fosse seu filho, tenho certeza que iria compreender o menino. Não gostei!

landscape-1469457925-13-harry-potter-and-the-cursed-child-photo-credit-manuel-harlan-1

– Draco Malfoy: AMEI a relação dele com a família, MAS… O Draco que eu conheço JAMAIS iria admitir que tinha inveja de Harry e da amizade do trio. Podia até sentir, mas não admitiria.

– Delfi: Sabia que tinha algo de estranho naquela menina desde o começo. Agora vamos falar do mais importante… Voldemort ter uma filha? Sério? Por que ele faria isso? Obviamente ele não é capaz de amar. Duvido muito que ele teria o sonho de ter filhos… A única opção seria dar continuidade à linhagem de Slytherin… MAS, ele não achava que ia morrer, né? Logo, a linhagem não acabaria, já que ele viveria para sempre. Achei totalmente sem sentido.

– Bruxa do carrinho de doces: Que cena desnecessária foi aquela? O pior foi falar que vários alunos já tinham tentado fugir do Expresso de Hogwarts mas não tinham conseguido… Fred e Jorge e até os marotos. OI??? Sirius já fugiu de ASKABAN! Ele não iria conseguir fugir de um trem? Aí eles simplesmente pulam e dá tudo certo. Fora toda a cena bizarra da moça não lembrando o próprio nome e jogando tortinhas de abóbora que se transformam em bombas…

– Poção Polissuco: Alguém me explica COMO ela surgiu pronta, sendo que a preparação demora meses? E SE a Delfi tinha ela já pronta, afinal, ela já estava com esse plano, ninguém desconfiou que havia algo errado? Quem costuma ter uma poção polissuco guardada? E para completar, como eles conseguiram pedaços de Rony, Harry e Hermione? Mistérios…

img_0018

– Hermione escondendo o Vira Tempo: A bruxa mais inteligente de todas esconde o item na própria sala, com charadas escondidas em livros que falam e sugam pessoas. Tenho certeza que ela conseguia ser mais esperta que isso. Sem mais.

– Primeira vez que eles mudam o tempo: Estão mexendo muito com minha personagem mulher favorita e não estou gostando! – Para quem tiver curiosidade meus personagens favoritos são, na ordem, Sirius, Dumbledore, Snape, Hermione, Hagrid) – Segundo a história, a menina acabou indo ao baile do Torneio Tribruxo com Rony. Dessa forma, ele nunca sentiu ciúmes dela aquele dia e não percebeu que gostava dela (OI?????). Por isso, Hermione se torna professora de Hogwarts invés de ministra (até aqui, ok) e uma pessoa amargurada e má. Sério que um boy ia fazer isso com ela? Apenas NÃO!!!!

– Segunda vez que eles mudam o tempo: O mundo é dominado por Voldemort. Harry morre na Batalha de Hogwarts, por isso Alvo não existe, o que deixa Escórpio desesperado, obviamente. Cedrico virou Comensal da Morte porque foi humilhado na frente da escola na segunda tarefa do Torneio. Gente, como assim? O Cedrico NUNCA seria comensal!! Ele era uma das pessoas com mais índole que já apareceram na história. Ridículo. A melhor coisa foi certamente quando Escórpios procura o Snape (💓💓) para descobrir o que aconteceu afinal, e acontece uma das melhores conversas, na minha opinião:

Rony: E…Snape? O que Snape fez nesse outro mundo?

Snape: Morro, presumivelmente. (…) Como?

Escórpio: Com bravura.

Snape: Quem?

Escórpio: Voldemort

Snape: Mas que coisa Irritante

Sério, fiquei rindo sozinha! Como não amar o Snape?

img_0029

– Minerva Mcgonagall:

1- O Harry não ameaçaria ela daquela forma

2- Mesmo que ele fosse louco, ela JAMAIS acataria às ordens dele.

Fim do assunto.

O final: Gostei muito. Achei triste, mas emocionante o Harry assistindo à morte dos pais, mas sabendo que não podia fazer nada.

Observação final:

Escórpio é o máximo, e a amizade dele com o Alvo é a coisa mais LINDA!

Afinal, vale a pena ler?

SIM!!! Como vocês viram, tem muita coisa que achei contraditória, mas tem muita coisa legal. Estar de volta nesse mundo dá uma sensação que não sei explicar. Sou dessas que, quando comecei a ler, tive que segurar as lágrimas, pois ler novamente sobre os personagens é uma sensação que só quem é fã pode compreender. Além disso, é um livro gostoso de ler. Então, recomendo para todos!

Me contem nos comentários as suas opiniões sobre o livro Harry Potter e a Criança Amaldiçoada!

Beijos, Cah!😘

Post por:

Cah Mendes